Somos aquilo que nos pertence ... um olhar no património ... um olhar em nós próprios!

.Inicio

Criámos um blog no âmbito do concurso das “Cidades Criativas”. Aprendemos a trabalhar com ele, fizemos recolha informativa, marcámos entrevistas e assentámos várias ideias, que poderão tornar este trabalho num autêntico mistério para todos nós. Assinámos um contrato com o imprevisto. A investigação, certamente, trará aspectos positivos e negativos. Esperamos, com certeza, ganhar, mas o mais importante é que aceite o nosso convite: Venha Conhecer a Amadora!

.Apresentação

Olá, nós somos alunos da escola Secundária Seomara da Costa Primo, situada na Amadora. Somos da turma 3 do 12º ano e estamos a participar no concurso "Cidades Criativas". O nosso trabalho tem como tema "Um olhar no património" e vamos abordar o valor patrimonial Histórico e Arqueológico da cidade da Amadora. Os elementos do grupo são: o António Valdez, o Jorge Costa, a Marlene Lopes, o Gabriel Zsurkis e o Leibonísio Landim. O professor apoiante do nosso trabalho é o nosso professor de Área Projecto, o Professor Alfredo Garcia.

.OLHE!!

.Relogio

.Rádio Patrimonio - A nossa Rádio

Quinta-feira, 28 de Fevereiro de 2008

Quinta Grande da Damaia

  A Quinta Grande da Damaia foi construída no século XVIII. Do que se sabe actualmente,  esta era uma casa de campo, onde provavelmente membros da nobreza iriam repousar ou passar férias.

   Esta casa tem uma pintura cor-de-rosa e uns azulejos representativos das quatro estações do ano e dos sete pecados capitais.

 Actualmente, encontra-se em reconstrução, sendo apenas possível a visualização da fachada.

publicado por GRUPO DO PATRIMÓNIO às 18:08
link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 25 de Fevereiro de 2008

As nossas conclusões da entrevista ao António (responsável pela iniciativa T.O.C.A.)

Com a entrevista ao António, baixista dos sobressaltos, podemos concluir que:

No que toca à capacidade de resposta à população, contínua a haver carências em certos sectores da sociedade como por exemplo o da cultura e lazer dai o surgimento do projecto T.O.C.A. Com base na perspectiva etária da população, “…(a população jovem) não tem capacidade de comprar casa na Amadora porque são muito caras, mas também pela própria população idosa que se vê sem infra-estruturas, vivendo muitas vezes em edifícios degradados…”

Continuam também a ser feitos alguns erros que aos olhos leigos do cidadão continuam a não fazer sentido e com isto referimo-nos à manutenção de fachadas apenas, sendo o exemplo dado aquando da entrevista, a vila martelo “…um edifício de muito interesse para o concelho… de interesse histórico que também foi demolido e apenas deixaram um bocadinho da fachada”, não sendo dado valor ao restante edifício.

Existe também um problema actual e que se aplica à grande maioria das cidades portuguesas que é “ plantar ilhas de verde na selva de betão” como António Barreto refere nos seus documentários, havendo jardins dispersos e com pouco significado para a população que pouco usa esses mesmos jardins.  

Concluímos por último que a iniciativa privada tem vindo a delapidar o património da Amadora, seja a fazer demolições de edifícios protegidos, seja a lucrar com a especulação imobiliária pois segundo o António “…a Amadora é um concelho que apenas tem valor económico para os especuladores imobiliários…”.

publicado por GRUPO DO PATRIMÓNIO às 12:13
link do post | comentar | favorito
|

.pesquisar

 

.posts recentes

. Momentos da festa C.C.C.

. Grupo foi à festa do C.C....

. Fotos do dia da Apresenta...

. Alunos criam clube motiva...

. Visita guiada ao Patrimón...

. Filme projectado na nossa...

. Relatório Final

. Equipa de Apoio às EscoIa...

. A nossa apresentação públ...

. Empenho do grupo elogiado...

.arquivos

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

."Olhe" para nós!

Fotos dos elementos do grupo - "Um olhar sobre o Património"

.VENHA CONVERSAR CONNOSCO ...